Razões e remédios para o casamento sem sexo

Razões e remédios para o casamento sem sexo Casamento sem sexo: A intimidade física é o que torna um relacionamento mais do que apenas uma amizade platônica. Alguns casais adotam um padrão ou hábito de deixar a parte física do casamento cair no esquecimento.

Embora exista uma queda “normal” nos primeiros anos do casamento, principalmente se os filhos aparecerem, a perda completa desse aspecto físico do casamento geralmente sinaliza um problema conjugal que precisa ser resolvido.

Sem a intimidade física que diferencia uma parceria romântica de uma platônica, os casais podem se tornar mais ou menos companheiros de quarto.

Se ambos os parceiros estão de acordo com esse tipo de relacionamento, isso não exige preocupação. Mas, frequentemente, um ou ambos os parceiros ficam frustrados ou magoados pela perda de intimidade física e sexo.

Um casamento sem sexo é definido como um casamento com pouca ou nenhuma atividade sexual entre os parceiros.

Razões comuns para um casamento sem sexo

Existem muitas razões possíveis para um casamento ficar sem sexo, da saúde aos fatores do estilo de vida.

Fatores Físicos e de Saúde

A saúde física e mental geral de uma pessoa pode ter um grande impacto em sua libido e desejo de intimidade física. Também pode interromper o processo fisiológico de excitação em ambos os sexos.

Libidos sexuais incompatíveis (impulsos sexuais): Nem todo mundo deseja a mesma quantidade de sexo, e o impulsão sexual tem um fluxo e refluxo natural. Quando o desejo por sexo não coincide, é fácil para os casais esperar para se envolver sexualmente até que ambos estejam de bom humor.

Parto: As mulheres geralmente são aconselhadas pelo médico a abandonar o sexo por pelo menos seis a oito semanas após o parto. O estresse adicional de cuidar de um bebê, alterações corporais, cansaço e fatores hormonais também podem afetar a libido de uma mulher depois de ter um filho.

Estresse: O estresse excessivo pode causar estragos em sua saúde, incluindo seu desejo sexual. O hormônio do estresse cortisol também pode desempenhar um papel na redução da libido.

Além das razões físicas pelas quais o estresse diminui o desejo sexual, os efeitos psicológicos do estresse podem deixá-lo tão cansado, cansado e ansioso que você simplesmente não tem desejo ou energia para o sexo.

Disfunção erétil (DE): A dificuldade em conseguir ou manter uma ereção pode dificultar o sexo por várias razões. Embora o DE seja um problema comum, também pode afetar os níveis de ansiedade, confiança e auto-estima de um homem.

Homens que apresentam sintomas de disfunção erétil devem sempre conversar com seu médico, pois pode ser um sinal de uma condição de saúde subjacente.

Transtorno de desejo hipo-sexual (baixo desejo sexual): O baixo desejo sexual feminino pode ser atribuído a essa condição, caracterizada como falta ou deficiência de fantasias, desejos e atividades sexuais. Vários fatores podem contribuir para o HSDD, incluindo ciclos menstruais, uso de contraceptivos hormonais, parto, amamentação, histerectomia e menopausa.

Efeitos colaterais de medicamentos: Muitos medicamentos têm efeitos colaterais sexuais. Alguns medicamentos que podem causar disfunção sexual incluem descongestionantes vendidos sem receita, alguns anti-histamínicos, antidepressivos e medicamentos para pressão alta.

Depressão ou outros problemas de saúde mental: Os sintomas de depressão incluem falta de energia, perda de interesse e prazer, retraimento social e humor deprimido – fatores que podem afetar o desejo de uma pessoa por sexo e intimidade física.

História de abuso sexual: O abuso sexual passado pode ter efeitos duradouros que podem influenciar os relacionamentos atuais e futuros. Reações emocionais como medo e vergonha, estresse pós-traumático e distorções na autopercepção podem ter um sério impacto na vida sexual de uma pessoa.

Problemas de comunicação e relacionamento

Quando você está em conflito com seu parceiro, pode ser difícil manter a intimidade. Você pode não sentir vontade de conversar com seu parceiro, muito menos de se envolver em atividade sexual. Alguns fatores que podem contribuir para esse problema incluem:

  • Conflito e argumentos de relacionamento
  • Sentimentos negativos em relação ao seu parceiro, como raiva ou ressentimento
  • Retenção punitiva ou passiva-agressiva do sexo
  • Infidelidade
  • Lutas de poder
  • Vício em pornografia

Pesquisas de divórcio sugerem que alguns dos problemas mais comuns que levam a problemas no casamento incluem separação, má comunicação, diferenças de gostos e problemas financeiros.

Estilo de vida e fatores pessoais

Existem vários fatores de vida diferentes que também podem desempenhar um papel na frequência com que as pessoas praticam sexo com seus parceiros, incluindo:

  • Tédio
  • Cansaço
  • Luto
  • Perda de emprego
  • Problemas financeiros
  • Envelhecimento
  • Problemas de imagem corporal

Se você está sentindo falta de sexo em seu casamento, não está sozinho. A professora Denise A. Donnelly conversou com o New York Times sobre seus estudos sobre casamentos sem sexo. Ela estima que 15% dos casais não fizeram sexo com o parceiro nos últimos seis meses a um ano.

Michele Weiner Davis, autora do livro “Sex Starved Marriage”, explicou por que um casamento de baixo sexo pode se tornar um grande problema: “É quando um parceiro está desesperadamente ansiando por mais contato, proximidade física, mais sexo, e o outro parceiro está pensando”. : “Qual é o grande problema?

Por que você está tão incomodado?” Quando essa grande desconexão acontece, a intimidade em todos os níveis tende a diminuir. [Mas] é realmente sobre sentir-se querido, amado, apreciado e conectado “.

Davis continua dizendo que, por causa da mágoa que pode surgir por não atender às necessidades, o vínculo entre um casal pode se dissipar a ponto de colocar o casamento em risco.

Como ajudar um casamento sem sexo

O primeiro passo é reconhecer os sinais de um casamento sem sexo e determinar se a falta de sexo é um problema para o seu casamento. Se você considera um casamento sem sexo ou sem sexo, um problema depende inteiramente de você e seu parceiro.

Não existe uma quantidade “certa” de sexo em um casamento. O mais importante, em muitos casos, é se você ainda tem intimidade física e emocional com seu parceiro.

Não tente comparar seu casamento com os outros, porque todo relacionamento é único. Embora você possa encontrar estatísticas que fazem você sentir que você e seu parceiro não estão fazendo sexo suficiente, a pesquisa descobriu que ficar sem sexo é mais comum do que você imagina.

Um estudo de 2017 descobriu que mais de 15% dos homens e quase 27% das mulheres relataram não ter feito sexo no ano passado.

Comunicar

Converse com seu parceiro sobre a questão do sexo baixo ou sem sexo em seu casamento. Pode ser difícil, mas essa comunicação é necessária.

Mesmo relacionamentos fortes podem ter problemas com sexo e intimidade. Não é necessariamente um sinal de que seu casamento é fraco ou com problemas; pode simplesmente significar que você precisa conversar mais e dedicar mais tempo para passar juntos como casal.

Se precisar de ajuda para descobrir como conversar com seu parceiro, considere primeiro conversar com um profissional de saúde mental ou terapeuta para obter idéias sobre como abordar o assunto. É importante manter a conversa positiva e não deixar seu parceiro sentindo que está sendo atacado ou culpado.

Todo casamento é diferente e você precisará trabalhar juntos como um casal para descobrir o que funciona para você. Não tente corresponder às expectativas de outras pessoas ou ao que você acha que é “normal”.

Fale sobre o que cada um de vocês deseja, precisa e espera. Em seguida, trabalhem juntos para que funcione para vocês dois.

Enquanto você fala, tente determinar maneiras pelas quais vocês dois acham que podem reavivar sua vida sexual. Fazer uma alteração só funcionará se vocês concordarem em mudar e trabalharem juntos.

Foco na construção da intimidade

Se você decidiu que deseja fazer mais sexo, considere colocar sexo em sua programação. Pode parecer pouco romântico, mas também pode ser emocionante e especial se for feito da maneira certa.

O agendamento dá a você algo pelo que esperar e mostra um compromisso um com o outro e seu relacionamento físico.

Além do sexo, também é importante explorar outras maneiras de criar uma proximidade que geralmente se perde em relacionamentos de baixo sexo ou sem sexo. A intimidade física não envolve apenas sexo. 8

Faça um esforço para renovar seu amor e criar a centelha que você teve inicialmente. Estar próximo, tanto emocional quanto fisicamente, é uma parte importante de um relacionamento saudável.

Passar mais tempo juntos, esteja você sentado no sofá assistindo televisão ou revezando-se fazendo uma massagem um ao outro, cria uma intimidade fundamental.

Outras atividades de construção de intimidade que você pode tentar incluem:

  • Tente uma nova atividade juntos
  • Faça algo físico juntos, como caminhar ou assistir a uma aula de ioga
  • Planeje férias ou fuga
  • Planeje uma “estadia” em casa
  • Vá em uma data programada noites

Obtenha ajuda profissional

Dependendo das causas subjacentes, procurar ajuda externa também pode ser uma boa opção. Você pode tentar um retiro de casamento, oficina ou seminário para ajudar na comunicação e conexão.

Consulte o seu médico para tratar de condições médicas subjacentes que podem estar afetando sua vida sexual. Procure o apoio de um profissional de saúde mental em casal ou individualmente para promover habilidades de comunicação ou aprender técnicas de gerenciamento de estresse.

Se a terapia parecer a direção certa para você, procure um conselheiro que se concentre em questões sexuais no casamento como um terapeuta sexual certificado.

Seu terapeuta pode trabalhar com você para resolver quaisquer problemas em seu relacionamento que atrapalhem a intimidade, além de explorar fatores individuais que possam estar desempenhando um papel.

Aproveite essas oportunidades para se concentrar em construir um casamento mais forte e profundo.

Próximos passos

Se o seu parceiro não concorda que existe um problema no seu casamento e não quer mudar, você terá que decidir se um casamento de sexo baixo ou sem sexo é um rompimento de negócios para você.

Não tome a decisão de trair seu parceiro e torne-se infiel como forma de lidar com sua frustração com a falta de sexo em seu casamento. Comece comunicando e explorando maneiras de encontrar a intimidade de que cada um de vocês precisa.

Ficou com dúvidas? Quer saber mais CLIQUE AQUI

 

Avalie este post
[Total: 1 Average: 5]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *